O Enfermeiro da Noite


Recentemente o filme O Enfermeiro da Noite foi lançado pela Netflix e ficou em alta por vários dias consecutivos.


O filme aborda um enfermeiro que foi contratado para atuar no turno noturno de um hospital e causou inúmeras mortes. Infelizmente, o filme é baseado em uma história real. Mas como isso tem relação prática com sua rotina como enfermeiro?


Simples, as metas de segurança do paciente, por exemplo, relacionadas a erros no medicamento e uma série de outros fatores podem e devem ser frequentemente consideradas em sua rotina profissional.


Como o filme impacta a realidade?


Infelizmente ouvimos histórias sobre profissionais que cometem erros e causam a morte de seus pacientes.


O Enfermeiro da Noite é um filme que nos revela o caso de um profissional de saúde que na verdade, era um serial killer e que vitimou inúmeros pacientes. O filme é baseado na história de Charles Cullen que vitimou 29 pessoas confirmadas e com possibilidade de ter sido responsável na prática por 400 óbitos.


O filme serve de alerta para profissionais de saúde e infelizmente pode deixar inúmeros pacientes com significativo receio de hospitais.


Afinal, é um momento de fragilidade no qual o paciente está nas mãos da equipe, por isso, é importante sempre pensarmos sobre a conduta em administrar medicamentos. A interação medicamentosa pode causar danos irreversíveis.


Boa conduta do enfermeiro e técnico de enfermagem


O enfermeiro e técnico de enfermagem são profissionais que possuem muitas responsabilidades em suas mãos.


Ter boas condutas para a manutenção da segurança do paciente, por exemplo, é um dos critérios de suma importância na rotina. Tendo como principal objetivo preservar a vida e a segurança de cada paciente que está sob sua responsabilidade.


A administração coerente de medicamentos, por exemplo, é um dos principais cuidados que a equipe de enfermagem deve ter no dia a dia, caso contrário, está colocando a vida do paciente em risco.


O treinamento de medicamentos da Prática Enfermagem tem o objetivo de fornecer o conhecimento necessário para que o profissional entenda o porquê de cada medicamento, interações e muito mais. O objetivo é garantir segurança para o paciente e para o profissional.

O enfermeiro é um gestor da equipe


Outro ponto que não pode deixar de ser lembrado é a importância de o enfermeiro atuar como um bom gestor de sua equipe.


Entre suas demandas está observar o desempenho dos profissionais que são geridos pelo enfermeiro.

Acompanhar indicadores, perceber quando repentinamente alguns problemas se tornam frequentes no ambiente e a equipe já não rende como antes são cuidados imprescindíveis.


Afinal, como gestor do time, o enfermeiro precisa estar atento para sinais de que eventualmente um profissional não está dando o seu melhor.


Uma vez que isso impacta não só nas demandas da equipe, como também pode ter resultados desastrosos para os pacientes atendidos pelo enfermeiro em questão.


Todos os profissionais sempre devem adotar a melhor postura possível. Mas é dever do enfermeiro se responsabilizar por todos os colegas. Uma vez que, é o enfermeiro o gestor do time.


Ter uma boa conduta profissional impacta não só na fluidez do trabalho da equipe, como também, na saúde dos pacientes. Portanto, nunca é demais estar atento e cuidadoso em relação a cada atendimento.


Gostou do nosso conteúdo? Siga a gente no IG @praticaenfermagem para saber mais. E conheça nossos treinamentos em www.praticaenfermagem.com.